Página Inicial

 

 
PET'S SHOP
FAÇA SUA LOJA
PET ID
ADOTE UM PET
ACHADOS  PERDIDOS
PET MATRIMONIAL
PET TRAVEL
EVENTOS
CLUBE PETFRIENDS
PET'S E FAMOSOS
EXÓTICOS CURIOSOS
CONTOS  HISTORIAS
OPINIÕES PET'S
CAMPEÕES 
TV PET FRIENDS
ENCONTROS
ASTROLOGIA
CONSULTA ON-LINE
MUNDO VETERINÁRIO
FÓRUM
ONDE ESTAMOS
CHAT VET
FAÇA SEU SITE
CÃES
GATOS
PEIXES
AVES
RÉPTEIS
OUTROS
POSTAIS ON-LINE
JOGOS
PET'S FAMOSOS
PARA COLORIR

Um cão imponente, robusto e protetor

O Mastim Napolitano é um cão de guarda de porte grande e aparência imponente. Tem um aspecto maciço, forte e robusto, chega a impressionar. A cabeça é grande, cheia de pregas e rugas. O peito é largo e bem desenvolvido.

Este cão tem um temperamento balanceado, exigindo do proprietário a imposição de posturas e limites, e preferencialmente adestramento profissional.Demonstra uma devoção extrema ao seu proprietário, se tornando uma excelente companhia. 

É muito forte, porém não é agressivo. O impacto da mordida é de 2.500 kg a 3.000 kg e chega a separar o osso. Além disso, é leal e protetor, atacando apenas sob comando. Pesa entre 50kg a 70kg no padrão e existem ótimos exemplares com aproximadamente 100kg.A sua altura varia entre 65 e 75 cm.


A pelagem é densa, de textura áspera nas cores preto, azul, cinza, marrom e tigrado. Quando nasce, um Mastim Napolitano pesa, em média, meio quilo. E, após dois meses, esse peso já ultrapassa os 12 kg. Quando atinge seu peso ideal, por volta dos 3 anos, este cão chega a comer quase 4 kg de ração todos os dias.  


Origem e História

Acredita-se que o Mastim Napolitano descenda diretamente do Molosso Romano, um cão utilizado pelas tropas romanas em sua conquista do mundo.

Existem duas correntes de cinófilos que tentam esclarecer a origem do Mastim Napolitano. Uma dessas correntes acredita que os primeiros Mastins ou Mastiffs asiáticos tenham sido trazidos à Grécia por Alexandre, o Grande, sendo então utilizados pelos romanos exaustivamente em combates e guarda.


Outra teoria diz que os ancestrais do Mastim Napolitano chegaram à Inglaterra trazidos pelos fenícios e de lá se espalharam pela Europa.


Mantido quase isolado na região da Campânia, Itália, o padrão do Mastim Napolitano se manteve quase inalterado. Em 1949, o Ente Nazionale Cinofilo Italiano reconheceu oficialmente a raça.
inicio l quem somos l cadastre-se l contato


Copyright© 2002 PetFriends. Todos direitos reservados. All rights reserved
1